Publicada em 17/01/2017 às 00h00. Atualizada em 17/01/2017 às 11h23

Sinta-se livre para sorrir!

Implante dentário e clareamento dental são alternativas para pessoas que escondem o sorriso

CONTEÚDO HOMOLOGADO Bahiana
Compartilhe

"A perda dental não afeta apenas a saúde bucal, a autoestima e o convívio social, mas também compromete significativamente a mastigação e a deglutição..."

São inúmeras as pessoas que passam a vida inteira envergonhadas com o próprio sorriso devido à perda dos dentes, causadas por motivos diversos, entre eles, má escovação, inflamação, cárie e traumas. A perda dental não afeta apenas a saúde bucal, a autoestima e o convívio social, mas também compromete significativamente a mastigação e a deglutição podendo, inclusive, desencadear outros tipos de problemas na saúde de uma forma geral. 

Graças aos avanços na odontologia estética, são inúmeras as técnicas que estão colaborando para tornar o sorriso mais bonito, proporcionando a harmonização facial e o bem-estar. Entre os procedimentos mais procurados nos consultórios estão os implante dentais com pequenos pinos de titânio. Produzido a partir de material compatível ao organismo, os pinos, quando colocados no osso maxilar, irão substituir as raízes dos dentes perdidos, para, mais tarde, após a integração com os ossos, serem suporte para as próteses. Uma alternativa bastante procurada nos consultórios. 

A técnica de implante sem corte, conhecida também como implante guiado, evita o corte agressivo na gengiva, proporciona recuperação rápida e é menos dolorida. O tratamento conta com o suporte do computador para simulação do procedimento em 3D, de forma a facilitar o trabalho do especialista e garantir precisão e planejamento sobre os pontos exatos em que os dentes serão implantados, resultando em comodidade e segurança para o paciente.

No procedimento convencional, o dentista solicita os exames de imagens que mostram apenas a altura e largura do osso que vai receber o implante, trazendo para o paciente o inconveniente da falta de precisão do local a ser perfurado. Com a técnica de implante guiado, os exames são realizados com tomografia computadorizada em 3D, sendo a cirurgia guiada virtualmente com a precisão do computador, permitindo que os espaços que vão receber os dentes sejam estudados de forma detalhada e personalizada.

Para realizar o procedimento, o implantodontista produz o molde da arcada dentária. O chamado guia cirúrgico é confeccionado com os pontos exatos onde os dentes vão ser implantados. Os benefícios são diversos e vão desde a diminuição do tempo de cirurgia, ao fato de não ter incisão e deslocamento da gengiva. Outras vantagens são a utilização de uma quantidade menor de anestésico e medicamentos pós-procedimento, sem contar a diminuição do estresse do paciente. Muitos deles voltam a trabalhar no mesmo dia, já saem dos consultórios e seguem suas rotinas.

O procedimento não tem contraindicação, mas é fundamental que o paciente não tenha nenhuma restrição sistêmica e apresente volume ósseo na região que os implantes serão ancorados. Os pacientes que, por algum motivo, perderam dentes e demoraram de corrigir o problema, podem precisar fazer enxerto porque acabaram tendo uma perda óssea. Quanto mais tempo o paciente demora para fazer o implante na região, mais o osso vai sendo reabsorvido. Com isso, a mandíbula  é  deslocada aos poucos para frente, comprometendo a mastigação e a estrutura óssea.

Clareamento Dental

Com o objetivo de corrigir o escurecimento dos dentes, provocado muitas vezes por doenças congênitas, pelo uso acentuado de antibióticos e cigarro, muitos pacientes realizam o clareamento dental. O procedimento clareia as manchas removendo a saturação da própria cor do dente. Existem diferentes técnicas disponíveis no mercado que deixam o sorriso com dentes bem branquinhos que fazem a diferença. O dentista orienta na escolha mais adequada de acordo com cada caso.

" O procedimento clareia as manchas removendo a saturação da própria cor do dente. "

Com o método caseiro, o paciente utiliza uma moldeira personalizada de acetato, que receberá substância clareadora durante três a quatro semanas. Já nos consultórios, os especialistas usam uma concentração maior do produto clareador, que deve ser escolhido criteriosamente, para não gerar hipersensibilidade nos dentes. Para evitar esses problemas, na EVOLUTE é utilizada uma substância que contém cálcio em sua composição para manter o PH alcalino quase durante todo  o processo, evitando sensibilidade. São realizadas três sessões, que duram cerca de uma hora, uma vez por semana. Já na primeira sessão é possível notar diferença. 

As pastas de dente clareadoras são bastante procuradas, mas trazem efeitos quase que imperceptíveis se comparados aos procedimentos realizados em consultórios. Independentemente do método utilizado, para o sucesso do clareamento a maior das recomendações é evitar café, refrigerante, suco de uva e bebidas alcoólicas entre outros hábitos alimentares que contribuem para o escurecimento do dente no decorrer dos anos.

Voltar a sorrir, a mastigar corretamente e a se socializar melhora não apenas a autoestima, mas contribui para a manutenção da saúde como um todo. A visita ao dentista periodicamente é de extrema importância para evitar e corrigir problemas.

Compartilhe

Autor(es)

  • Rodrigo Queiroz / CRO-BA 9431

    Formado pela Universidade Vale do Rio Doce, Minas Gerais, em 1997. Especializado pela Universidade de São Paulo Bauru. Pós -graduado em implantes zigomáticos pela Unicamp e pós graduado em resinas compostas pelo instituto Newton Fahl Center. Capacitação em cirurgia guiada pelo instituto Ronaldo Silva, em Ribeirão Preto. Já realizou diversos cursos, entre eles, o de imersão em laminados cerâmicos desde facetas às lentes de contato, ministrado por Sidney Kina, e o de lentes de contato, ministrado pelo Ateliê Oral. É credenciado em Toxina Butolínica, Preenchedores e Bichectomia. Atua na área há 17 anos.

Saiba Mais

     

    Redes Sociais