Publicada em 26/09/2011 às 17h58. Atualizada em 08/02/2012 às 14h44

Mitos e verdades sobre atitudes para melhorar sua saúde bucal

Confira também algumas dicas do Presidente da Comissão de Ética do CROBA, Dr. Ricardo Araújo da Silva.

CONTEÚDO HOMOLOGADO Bahiana
Compartilhe

Sempre temos dúvidas sobre detalhes da nossa saúde bucal. Quando devemos usar o enxaguante bucal, alimentos e bebidas que podem manchar ou prejudicar nossos dentes e mais alguns hábitos do dia a dia que podem melhorar a saúde da nossa boca. Assim, o iSaúde Bahia recebe o Dr. Ricardo Araújo da Silva para esclarecer alguns mitos acerca do assunto.

1 - É verdade que o cigarro causa gengivite?

A gengivite é uma inflamação na gengiva causada pela placa bacteriana. O cigarro traz outros males à saúde bucal, a exemplo do avanço da doença periodontal, cânceres de boca, prejuízos na cicatrização de aftas e outras doenças da boca. Além disso, o manchamento dos dentes pode acontecer em fumantes de cigarro e outros tipos de fumo. Os fumantes devem fazer o autoexame de boca para prevenção do câncer de boca e consultar regularmente o cirurgião-dentista.

2 - Vinho tinto e chá preto escurecem os dentes?

Vinho tinto, chá preto, café ou bebidas com muitos pigmentos podem sim provocar escurecimento dos dentes com o passar do tempo. O uso constante de bebidas pigmentadas favorece o escurecimento.

3 - Enxaguante bucal com álcool causa mau hálito?

Os enxaguantes bucais mascaram ou disfarçam o mau hálito, mas não provocam mau hálito. O álcool existente nos enxaguatórios bucais pode agredir a mucosa e trazer lesões na cavidade bucal. O mau hálito, em 95% dos casos, está relacionado com a falta de higiene bucal e, principalmente, a limpeza da língua. Para se livrar do mau hálito, quando este estiver relacionado com a boca, além de procurar um especialista, o paciente deve melhorar sua técnica de higiene bucal, utilizando fio dental, escova de dentes e raspadores de língua.

4 - Creme dental clareador funciona?

Os cremes dentais clareadores melhoram a superfície dos dentes, retirando algumas manchas, entretanto não provocam clareamento profundo, como acontece na utilização do peróxido de hidrogênio ou do peróxido de carbamida, que são substâncias utilizadas pelos dentistas para fazer o clareamento dentário.

5 - Mascar chiclete reduz o mau hálito?

O mau hálito, com o uso do chiclete, será apenas disfarçado ou mascarado por pouco tempo, já que ele, em 95% dos casos, tem a ver com uma má higiene bucal.

6 - Enxaguante bucal é tão necessário quanto a escovação?

O enxaguante bucal, ao contrário do que as pessoas imaginam, deve ser utilizado antes da escovação. Existem substâncias que facilitam o amolecimento da placa bacteriana, facilitando, desta forma, a remoção da placa pela escova de dentes. Alguns enxaguantes bucais só devem ser utilizados com a prescrição do cirurgião-dentista, pois possuem substâncias químicas que só podem ser utilizadas por 15 dias.

7 - Chupar limão e outras frutas e alimentos ácidos desgastam os dentes?

As frutas cítricas, em geral, podem provocar o que chamamos de erosão dentária. A erosão dentária é um desgaste do esmalte por substâncias ácidas, que é muito comum nessas frutas.
 
8 - Toda pessoa possui dente permanente? 

Até os cinco anos de idade, a criança terá apenas dentes decíduos, chamados popularmente de dentes de leite. Por volta dos seis anos, começam a surgir na boca os dentes permanentes. Se a pessoa não tiver nenhuma síndrome ou doença congênita, terá todos os dentes permanentes. Existe a agenesia dentária, que é a falta completa dos dentes permanentes, devido a algumas doenças congênitas. Existem pessoas que não têm alguns dentes permanentes, o que chamamos de oligodontia.

Referências:

 

 

Compartilhe

Autor(es)

  • Ricardo Araújo da Silva / CROBA 5210

    Dr. Ricardo Silva é cirurgião-dentista, Presidente da Comissão de Ética do CROBA, Mestre em Deontologia e Odontologia Legal, Coordenador do curso de Odontologia do Trabalho ABO-BA, Especialista em Higiene Ocupacional e professor do curso de Odontologia da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública.

Serviços Gratuitos
  • Ambulatório Docente-Assistencial da Bahiana - ADAB
    Tel.: (71) 3276 8200
    Av. D. João VI, 275, Brotas, Salvador, Bahia, CEP. 40.290-000
  • Clínica Odontológica - FTC
    Tel.:(71) 3281-8065
    Av. Luís Viana Filho, 8812, Paralela.Salvador,Bahia,CEP: 41.741-590
  • Clínica de Odontologia - UNIME
    Tel.:(71) 3616-2000
    Rua Professor Fernando Rocha, 326, Paralela,Salvador,Bahia, CEP:41.741-500
 

Redes Sociais