Publicada em 16/07/2012 às 00h00. Atualizada em 20/11/2012 às 14h55

Você já ouviu falar na Fisioterapia Dermato-Funcional?

Descubra como ela pode te ajudar a combater e tratar as indesejáveis gorduras localizadas.

CONTEÚDO HOMOLOGADO Bahiana
Compartilhe

A fisioterapeuta especialista em dermato-funcional, Lucila Prates de Albuquerque, em entrevista ao iSaúde Bahia, fala sobre os principais tratamentos utilizados em clínicas estéticas, suas indicações e efeitos no combate a este problema que atinge sobretudo as mulheres.

iSaúde Bahia - O que é a fisioterapia dermato-funcional?  Qual a sua área de abrangência?

Lucila Prates de Albuquerque -
 A fisioterapia dermato-funcional foi reconhecida como uma especialidade fisioterapeutica pelo Conselho Federal de Fisioterapia, em maio de 2009. Antes era chamada de fisioterapia estética, mas a denominação não abrangia toda a área de atuação da especialidade, que além de trabalhar a aparência atingindo as necessidades das pacientes, também se ocupa em restaurar e melhorar a função dos tecidos tratados. Desse modo, o fisioterapeuta dermato-funcional  está apto a tratar desde acne, gordura localiza, estrias, celulites, flacidez,  até rugas, manchas,  cicatrizes e queimaduras.  Esse profissional tem também um papel importante no acompanhamento pré e pós-operatório de cirurgias plásticas.

" A fisioterapia dermato-funcional foi reconhecida como uma especialidade fisioterapeutica pelo Conselho Federal de Fisioterapia, em maio de 2009". 



iSB - De que forma o fisioterapeuta dermato-funcional pode atuar nos tratamentos estéticos localizados e auxiliar na redução de medidas de um paciente?

Lucila Prates de Albuquerque -
 Após realizar uma avaliação individualizada do paciente, onde serão analisados peso e medidas, hábitos de vida e alimentares, o fisioterapeuta dermato-funcional traça um protocolo de tratamento que mais se adeque ao seu perfil.  De acordo com essa análise, serão  determinados os recursos terapêuticos, o tempo de duração e frequência que trarão melhores resultados  para o paciente em questão, bem como a possível indicação para acompanhamento com um nutricionista e/ou preparador físico no intuito de complementar o tratamento.

iSB - O que é a gordura localizada e por que ela se acumula em locais específicos, tais como abdômen, cintura e quadris? Isso é um mito?

Lucila Prates de Albuquerque -
 Não, não é um mito. A gordura localizada é o acúmulo de células adipócitas em determinadas regiões, podendo ser observada mesmo em indivíduos considerados magros.  Esse acúmulo pode ser gerado por um aumento na quantidade de gordura existente em cada adipócito, ou pelo aumento da quantidade dos adipócitos. A distribuição da gordura não é uniforme em todas as regiões do corpo, havendo maior acúmulo de tecido adiposo na região proximal dos membros e na parede abdominal, especialmente nas porções laterais. Na mulher, observamos o acúmulo de gordura na metade inferior do corpo, quadril, glúteos e coxas, o que chamamos de biotipo ginóide; já no homem predomina o biótipo androide, que é o acúmulo de gordura na região central do corpo, abdômen, cintura, tronco.

iSB - Quais são os principais tratamentos estéticos localizados utilizados atualmente pela fisioterapia dermato-funcional? 

Lucila Prates de Albuquerque - 
 Com o crescente aumento da procura por um corpo perfeito, muitas técnicas e aparelhos têm sido desenvolvidos com o intuito de eliminar a gordura localizada. Entre os recursos mais utilizados pela fisioterapia dermato-funcional para redução de medidas estão o ultrassom, a massagem modeladora e a radiofrequência. 

iSB - Como esses tratamentos citados atuam no organismo?  

Lucila Prates de Albuquerque -  
Existentes hoje em várias intensidades e aplicadas em vários equipamentos, as ondas ultrassônicas emitidas na frequência específica criam um efeito mecânico sobre o tecido adiposo de forma que as membranas das células de gordura se rompem. Os equipamentos mais modernos, incluindo o  o  UltraShape ,  o UltraContour e o Ultracavitação, conferem um melhor resultado em menor tempo, pois atingem a célula de gordura com mais intensidade. 

A massagem modeladora ou redutora, associada ao uso de cremes que também auxiliam na redução de medidas, é realizada com manobras rápidas, rítmicas e intensas de amassamento e deslizamento, propiciando uma melhora na oxigenação dos tecidos e na quebra das células de gordura.  Já a radiofrequência, consiste no uso de um laser que aumenta a temperatura das camadas mais profundas da pele. Dessa forma, há uma quebra do tecido adiposo, um aumento da circulação local e regeneração do colágeno, o que favorece também a melhora da flacidez. Cabe destacar que, em todos esses tratamentos, a gordura que se rompe é transportada através do sistema circulatório e linfático e metabolizada pelo fígado.

iSB - Existem contraindicações para este tipo de tratamentos estéticos? Quais? 

Lucila Prates de Albuquerque - 
 Poucas são as contraindicações para os tratamentos estéticos. As maiores são relativas à existência de tumores, processos infecciosos, cardiopatias descompensadas, afecções da pele, gravidez e insuficiências renal ou hepática.

iSB - Uma pessoa que está acima do peso, deve fazer dieta antes de iniciar um tratamento estético para gordura localizada?
 
Lucila Prates de Albuquerque - 
 A gordura localizada consiste naquela que geralmente não é eliminada nem com o auxílio de dietas de emagrecimento, nem atividade física e os procedimentos para sua perda não devem ser vistos como maneira de emagrecimento. O paciente cujo índice de massa corpórea indica sobrepeso deve realizar um acompanhamento com nutricionista, realizar uma dieta específica, para poder ser submetido aos tratamentos estéticos, de forma que obtenha bons resultados.

"O paciente cujo índice de massa corpórea indica sobrepeso deve realizar um acompanhamento com nutricionista, realizar uma dieta específica, para poder ser submetido aos tratamentos estéticos, de forma que obtenha bons resultados".

iSB -Os tratamentos estéticos apresentam resultados por si só? Ou devem sempre estas associados a outras práticas e hábitos?

Lucila Prates de Albuquerque -  Os resultados dessas práticas são satisfatórios por si só,  mas podem ser potencializados por outros fatores, tais como alimentação saudável, prática regular de exercícios etc.  

iSB - Quanto tempo, em média, um paciente leva para começar a sentir os resultados desses tratamentos estéticos?

Lucila Prates de Albuquerque -  Cada paciente tem suas particularidades e reage de forma individual aos tratamentos. Os procedimentos também divergem muito em relação à quantidade de sessões necessárias para obter resultado. Os mais potentes, como UltraShape , UltraContour,  Ultracavitação e radiofrequência geralmente mostram resultados depois de  duas a cinco sessões. Já nos procedimentos com a massagem redutora e ultrassom menos potente, em média, o paciente vê os resultados depois de sete a  dez sessões. Vale lembrar que os tratamentos estéticos não são “milagrosos”. Para obter um bom resultado,  o paciente deve realizar conjuntamente um controle alimentar, com pouca ingestão de gordura e carboidratos e também deve ter uma rotina de atividade física frequente, para que a gordura não continue sendo armazenada pelo organismo. 

Compartilhe
 

Redes Sociais